surtos, sonhos e doce de abóbora com queijo…

Últimas

Sonrisal

Meu coração tem mania de estômago…

Nem todo amor sacia

Nem toda (in)digestão é (in)cômoda

Por vezes a alma fica faminta, noutras, vomita.

Inalação

O que seria do amor sem o odor do fim?

E da paixão sem o perfume do recomeço…

Maratona

 

A quilômetros daqui mora um lugar

Habita minha casa

Cheira minhas rosas

E as fossas no quintal

A centímetros daqui vive a distância

Visita minha calma

Elege minhas mazelas

A segundos de mim corre o passo

Inicial

Traça um rumo

Corre de mim, tange

A segundos daqui

Minha volta

Final

 

%d blogueiros gostam disto: